---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Chuvas limitam e dificultam execução de trabalhos pela Secretaria de Obras

Publicado em 30/01/2019 às 16:22 - Atualizado em 30/01/2019 às 16:27

Com o prolongamento e excesso dos níveis de chuva que estão sobre a região desde o final do ano passado, as vias urbanas e rurais, expressam os resultados da grande quantidade de água que cai sobre os solos.

As chuvas em excesso trazem consigo grande infiltração no solo que com sua capacidade de absorção e drenagem natural saturada, acabam causando problemas como o surgimento de buracos nas vias de nossa cidade, principalmente nas ruas e estradas de chão. “Não depende somente da secretaria de obras a qualidade das vias do nosso município. Nossas equipes desempenham o melhor trabalho. Mas como sabemos Gravatal tem vasta extensão de malha viária, o que dificulta a cobertura instantânea da região, com isso nesse momento só o que podemos fazer são operações emergenciais, tapando os buracos e valos maiores, para poder dar condições de passagens para a população”, explica a secretário, Hamilton dos Santos Firmino.

Além das vias, as estruturas de escoamento da água da chuva não suportam a grande quantidade e acabam rompendo. São obras que canalizam arroios e pequenos córregos abaixo do nível da estrada, que desmoronaram, ao todo são nove obras dessas que passarão por reparos nos próximos dias. “Essas obras são relativamente simples. Pois será realizado a abertura do local e troca das manilhas que canalizam a água. Mas devido à instabilidade do tempo nossas máquinas não conseguem nem entrar para realizar o trabalho”, ressalta Hamilton.

Conforme o Prefeito Edvaldo Bez de Oliveira o popular Vardo, não são somente as localidades rurais que sofrem com o mau tempo e os temporais de verão, que caem quase todas as tardes, os bairros da cidade também apresentam os danos pelo excesso das chuvas. Sendo necessária uma equipe direcionada exclusivamente atuante na operação “Tapa Buraco”, para limpeza de bueiros, concerto e desobstrução do sistema de drenagem.

Ainda segundo o Prefeito, somado a fatores climáticos a equipe de Obras sofre ainda com o número reduzido de funcionários, que tiram as férias que tem por direito. Isso acaba exigindo ainda mais esforço e agilidade dos demais da equipe. “Nós temos ao todo cerca de 600 quilômetros de estradas gerais e ruas em nossa cidade, que com a chuvas de verão acabam danificadas por inteiro, sabemos da apreensão de toda a população mas nesse momento realizar as melhorias necessárias é a mesma coisa que jogar dinheiro fora, pois todo o serviço realizado durante o dia, acaba destruído pela chuva que geralmente cai nos finais de tarde e noites em Gravatal e região”, explica Vardo. 

Vardo ressalta ainda que tem recebido e dado atenção a cada solicitação que chega até a prefeitura e a secretaria, acompanhando de perto e buscando resolver o mais rápido possível. “Todas as chamadas que recebemos são analisadas e checadas. Entendemos que todas as estradas e vias são importantes. Mas nem todo o trabalho depende somente da nossa equipe. Dependemos da qualidade do tempo para executar a obra, assim que as chuvas derem uma trégua nosso trabalho será de atender a todos conforme maior necessidade”, finaliza o prefeito, que aproveita para tranquilizar a comunidade, garantindo que com a melhora das condições climáticas uma grande operação de melhoria será realizada.

Comunicação Social/PMG


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar